Vivendo a Democracia

Durante uma entrevista no Off The Cuff com Shekhar Gupta, membros da audiência fizeram suas perguntas a Sadhguru sobre uma variedade de tópicos, desde questões sociais até a experiência do divino. Neste trecho, Sadhguru aborda a democracia e quando apoiar ou criticar nossos líderes eleitos.
Living Democracy
 

Q: Sadhguru ji, existem diferentes líderes políticos no país. Alguns parecem criar desarmonia comunal, outros falam uma linguagem mais pacífica. Qual posição deve ser adotada?

Sadhguru: Uma vez que alguém tenha se tornado um líder eleito em uma sociedade democrática, então o que ele pensa e acredita no seu íntimo deverá ser irrelevante para você. Aquilo a que você deve prestar atenção é: será que os líderes políticos estão fazendo a coisa certa pela nação? Se eles estão fazendo, nós devemos apoiá-los. Se eles estão fazendo a coisa errada para a nação, existem diferentes instrumentos em uma democracia através dos quais nós podemos interromper tais coisas, mesmo que talvez não seja imediatamente. É isso o que devemos fazer, como cidadãos responsáveis.

Você não deveria ter um político favorito próprio. O político que você elegeu está trabalhando para a nação, ou está trabalhando para si próprio? Essa é a primeira coisa que você tem que verificar. A segunda coisa é, ele tem uma mente aberta, inteligência e competência para criar o que a nação necessita? E e ele entende a batida do coração dessa nação? Se essas coisas estiverem presentes em um político ou um líder, é o nosso dever apoiá-lo. Se não estiverem presentes, é o nosso dever substituí-lo.

Democracia não é um esporte para espectadores.

Participar em um processo democrático não significa apenas votar uma vez a cada cinco anos. A democracia é um esporte ativo, não é um esporte para espectadores. Você não pode se acomodar e dizer "deixe que alguém faça democracia". Democracia significa que você é o chefe, você não pode deixar para mais tarde. Você tem que ser ativo em tudo à sua volta. Se você não trouxer essa consciência, percepção e ativismo às pessoas, não funcionará. Ao mesmo tempo, se você protestar por tudo e convocar uma greve por tudo, essa é a tecnologia de como parar a nação. Mas como governar a nação é uma tecnologia diferente.

Pelo menos uma vez por mês, na sua rua, na sua região, faça uma lista dos assuntos em controvérsia na sua localidade, reúna algumas pessoas, chame o vereador ou deputado para uma reunião e falem com ele ou ela sobre o que precisa acontecer. Um líder é apenas um cidadão que está em um trabalho temporário. Dar o seu voto uma vez a cada cinco anos não é o suficiente. Isso é como empregar alguém e não fazer com que ele trabalhe. Isso não faz sentido.

É muito importante que todos compreendam isso adequadamente em uma perspectiva correta, porque pelo menos 50% a 60% das últimas gerações de pessoas neste país fizeram um péssimo negócio. Hoje, eu e você iremos comer bem. Existe um monte de pessoas, quase 400 milhões, que não podem fazer isso.

Se nós lidarmos com os próximos cinco a dez anos direito, podemos mudar isso. Todo indiano deveria entender isso. Essa é uma tremenda possibilidade na nossa porta. Se nós conduzirmos isso corretamente, nós poderemos mudar a vida deles, daquelas pessoas que não têm comido adequadamente, daquelas crianças desnutridas, daqueles que não foram educados, daqueles que não têm oportunidades, daqueles que estão naquele horrível abismo social e econômico. A vida deles poderá mudar nos próximos cinco a dez anos, se nós conduzirmos o nosso ato corretamente.

Nota da redação: Para acessar a sabedoria de Sadhguru em português, siga nossas páginas no Facebook e YouTube.